Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2017

MATÉRIA NO O GLOBO EXPÕE FALTA DE MEDICAMENTOS PARA PROTEÇÃO ANIMAL NO RIO

Imagem
Protetores de animais reclamam de falta de remédio para gatos com esporotricose Segundo relatos, comprimido que é usado no combate à doença, não está sendo distribuído pela prefeitura desde o fim de 2016
POR DANIELA DE PAULA - 31/03/2017 
RIO - A falta de medicamento para animais com esporotricose, em sua maioria gatos, vem preocupando protetores de animais no município do Rio. A doença, causada pelo fungo Sporothrix schenckii, é transmitida pelos felinos aos humanos e também para cachorros e pode ser fatal para os bichos se não tiver tratamento, que é feito com antifúngico e dura, em média, de 4 a 6 meses. Não é necessário sacrificar o animal. O comprimido itraconazol, que é usado no combate à doença nos animais, não está sendo distribuído pela prefeitura no Instituto de Medicina Veterinária Jorge Vaitsman, em São Cristóvão, segundo a cuidadora Nataile Bougleux.
A estudante de veterinária, que cuida de 24 felinos com esporotricose resgatados de várias colonias do Rio, afirmou que a últim…